Uma personalidade discreta

 

Gostei da tradução da música Only time, Enya.

Sobre ela, cujo último álbum foi lançado em Novembro de 2015 depois de uma pausa de 07 anos sem gravar, reportagens noticiam que atualmente mora no sul de Dublin, Irlanda, vivendo quase reclusa. Em 17 anos de carrreira, Enya soma  mais de 65 milhões de cópias vendidas.

Uma das matérias diz:

Ninguém parece saber onde Enya está. Ela emergirá através de uma névoa celta em uma planta entrelaçante? Falar sem ser vista das profundidades de um eco misterioso? Ou não aparecer?

De repente, ela está na sala e, ao invés do antecipado frio, há um gentil cumprimento de mão e uma doce voz de Donegal. Aos 53, Enya parece muito bem, vestida em seu habitual preto com um crucifixo vermelho. Beleza desse estilo não pode ser escondida. Então por que vemos tão pouco dela?

“Eu sou uma pessoa muito tímida”, diz, se sentando em uma poltrona. “Se eu apareço, é por causa da música, não porque quero ser vista.”

Nunca casou, não tem filhos e o relato de possíveis relacionamentos românticos é incompleto, para não dizer o de menos. Atualmente, ela mora sozinha no belo castelo de 165 anos próximo ao mar em Killiney, um distrito de Dublin.”

fonte: http://lesien.free.fr/articles/amar_art01_18.htm

SÓ O TEMPO 

Quem pode dizer para onde vai a estrada?

Para onde o dia flui? Só o tempo.

E quem pode dizer se o seu amor cresce

conforme seu coração deseja? Só o tempo.

Quem pode dizer por que seu coração ainda suspira

conforme seu amor passa? Só o tempo.

E quem pode dizer por que seu coração ainda chora

quando seu amor mente? Só o tempo

Quem pode dizer quando os caminhos se cruzam

e que o amor deve estar em seu coração?

E quem pode dizer quando o dia termina

se a noite guarda todo o seu coração?

Quem pode dizer para onde vai a estrada?

Para onde o dia flui?

Só o tempo.

Quem sabe?

Só o tempo.



 

Recomente essa página:
Esta entrada foi publicada em Histórias Humanas, Muito Pessoal. Adicione o link permanente aos seus favoritos.