Cena íntima

 

Resultado de imagem para homem triste chorando com a mesa vazia

(…) três minutos depois de sua partida estava eu ali, debilitado, enfraquecido, silente, preenchido por um estranho entulho de coisas acumuladas que deveriam ter sido ditas, mas não o foram. Eu, meio sem rumo, lia os ponteiros do relógio. Embora meio-dia, nenhuma fome física me invadia. A fome que me consumia era de amor. Dali em diante apenas dois caminhos restariam: ou fazia um regime sentimental forçado para me desintoxicar de tantas emoções contrárias ou morreria de inanição (…)

(Adriana Araf)

Simples assim

 

Resultado de imagem para simplicidade

 

“Só se pode ser feliz simplificando, simplificando sempre, arrancando, diminuindo,  reduzindo (…)”

(Florbela Espanca, inDiário do Último Ano“)

 

Restantes

Resultado de imagem para solidao dentro de casa

“O que sobrara? Essa é a pegunta que não se calava dentro de mim em meio a uma quase certeza de que as coisas boas duram pouco. Ou quase nada. Ou o suficiente para despertar em mim um desejo incontrolável de eternidade. Aquela insólita batida na porta com as chaves deixadas para trás, um café quente que se tornara gradualmente frio dentro daquela caneca velha, roupas estendidas no varal da área de serviço. E um discreto aviso na porta da geladeira de que seria melhor pagar a conta de luz no dia, sob pena de cortes. Tudo sendo cortado, escurecido e eu ainda ali observando aquele maldito terceiro aviso da companhia de luz (…)”

(Adriana Araf)

Teoria das Preocupações Práticas

Resultado de imagem para olhando para a janela e pensando

“Aplique em sua vida uma teoria, a das preocupações práticas. Já que temos uma série delas que, inclusive, se renovam, melhor adotar essa teoria para a fluidez da vida. Em quê consiste? Nada mais, nada menos do que levar em conta o que realmente importa. Claro, você não terá a companhia dos fantasmas, pois eles têm um papel definido de distração e servem até como justificativa para suas dúvidas e reiterados adiamentos sobre as coisas, mas, a bem da verdade, aplicando a teoria das preocupações práticas você terá mais tempo para dormir, amar e ser amado, aprimorar o cotidiano e a si mesmo, proteger sua saúde mental e espiritual e, sobretudo, cultivar-se dentro do que interessa. Faça o teste. Teorias são teorias. Necessitam ser comprovadas.”

(Adriana Araf)

Elementos Motivacionais

Resultado de imagem para andando na linha do trem

(…) Em certo sentido, é justamente a minha vida que estou representando aqui. Uma vida com sabor de pedra quente, repleta de suspiros do mar e de cigarras, que agora começam a cantar. A brisa é fresca e o céu, azul. Gosto imensamente desta vida e desejo falar sobre ela com liberdade. No entanto, já me foi dito várias vezes: não há nenhum motivo para estar orgulhoso. Mas creio que há muitos: este sol, este mar, meu coração saltando, meu corpo com sabor de sal e o imenso cenário onde a ternura e a glória se reencontram no amarelo e no verde. E para conquistar tudo isso é que preciso aplicar minha força e meus recursos. Tudo aqui me deixa intacto, não abandono nada de mim mesmo, não me revisto de máscara alguma: basta-me aprender pacientemente a ciência de viver (…)

(Albert Camus, Núpcias, o Verão)


Página 5 de 121« Primeira...34567...102030...Última »