Frases do escritor Lobo Antunes

Resultado de imagem para livros

“Não sou uma pessoa muito alegre. Sou introvertido. Fechado. Cheio de dúvidas. Não me é fácil viver comigo. Parece que sempre estou em guerra civil.”

“Gosto da parte masculina das mulheres, mas não gosto da parte feminina dos homens. Gosto dos homens que são tão homens que não têm medo de serem mulheres.”

“Escrever bem não é escrever uma página, é escrever 300 para ficar uma boa. Isto não é um milagre e dá muito trabalho. A excelência vem do trabalho.”

António Lobo Antunes, entrevista à revista Somos Livros, Bertrand Livreiros

Despedida

Imagem relacionada

“A tua passagem foi vermelha para mim. Ruboresci de ver o vácuo na minha frente. Mas foi rosa para ti. Seu rosto refletia a cor que pensamos que os anjos têm. Seu corpo, calmo, numa mescla de cores claras florescentes, dava um adeus tranquilo, sem rusgas e nem dor. Nenhuma partida é bonita. Nenhuma. Mas, se haveremos todos de passar pelo aceno final, que nos seja dada a graça de ser parecido ao seu: áureo, roseado, seguro, sereno, repleto de sossego e selado por uma missão cumprida sem nada a desejar. Um estou indo com a certeza de mais luz à espera”.

Adriana Araf

Ausência

Resultado de imagem para saudades pessoa sentindo

Num deserto sem água
Numa noite sem lua
Num país sem nome
Ou numa terra nua
Por maior que seja o desespero
Nenhuma ausência é mais funda do que a tua.

(Sophia de Mello Breyner Andresen)

Saudade

Imagem relacionada

“Como quando se tira um vestido velho do baú, um vestido que não é para usar, só para olhar. Só para ver como ele era. Depois a gente dobra de novo e guarda mas não se cogita em jogar fora ou dar. Acho que saudade é isso.”

Lygia Fagundes Telles

 

Um ano de muitos

Resultado de imagem para CADEIRA VAZIA NA PRAIA COM UMA PESSOA

Quem foi, não foi. Há pessoas que nunca se vão mesmo indo. E, se tivessem ido sem terem ficado, a tristeza seria maior. Partir não quer dizer ir e não tocar não quer dizer não sentir. Toca-se com saudades, vibrações e recordações. O choro é fininho, comprido. O coração ressoa lembranças. O cérebro vive de reviveres. Como verdade absoluta, uma mãe nunca morre, ela sempre ressuscita.

Adriana Araf


Página 2 de 15812345...102030...Última »