Lar é onde seu coração está

passado

“Há dias em que eu me assusto duplamente com minha capacidade de criar raízes no ar, que brotam do peito e me suspendem pelas nuvens vans e instáveis, e por outro lado com a minha irremediável incapacidade de criar raízes em algum pedaço de chão. Creio que já não exista saída para a minha impermanência constante. Nada me pertence e nada me contém. Não posso me imaginar nem de perto nem de longe escolhendo um só quadrado de terra e uma casa imóvel para passar a vida. Eu preciso passar por ela também. Eu entendo que para tanta gente isso é incomum e concordo que tem dias me parece também assustador quando olho para isso. Mas, assim como o conselho para aqueles que não têm chão é aprender a voar. Tenho confiança de que o conselho para aqueles que não tem um lugar é: seja seu próprio lar. Aprendendo aqui que o “não lugar” pode ser todos os lugares.”

(de Greice Reis, EUA)

 

Recomente essa página:
Esta entrada foi publicada em Capa do Blog. Adicione o link permanente aos seus favoritos.