Como é difícil prever o futuro

“É do escritor português Miguel Torga a frase dita por tantos de diversas formas “Como é difícil prever o futuro”. Na infância, o futuro pouco importa. O futuro não passa de um Natal que trará presentes e parentes numa cena … Continue lendo

Um ainda

  “É um castigo ainda gostar de ti. A mente diz não. O coração diz sim. E minh’alma, esgotada, me abandona. Dotada de esperteza, na verdade ela abandona esse conflito causado por essas ordens mentais descumpridas por um emocional carente e … Continue lendo

Guardados Emocionais

“Há sonhos e desejos que devem permanecer nas gavetas, nos cofres, trancados até o nosso fim. E por isso são passíveis de serem sonhados e desejados a vida inteira.” (Hilda Hilst)

Alvorada junto a ti

“Quisera eu viver dias mais simples. Quisera eu desfrutar da mais encantadora das simplicidades: você se oferece e eu aceito. Um sim misturado a um outro. Simplificado assim. Nada de porquês alongados, de justificativas cansativas. De quicás. E, como zona … Continue lendo

Meus desejos; seus cabelos

“O meu desejo de hoje é muito simples. Quase banal, quase patético, quase piegas. De tão tolo, parece ingênuo; todavia um pueril que vai me satisfazer. Quero pentear demoradamente os seus cabelos. Sim, camadas de fios deslizando sobre meus dedos por … Continue lendo


Página 1 de 41234