Quem não ousa acender a própria luz, apaga-se

Um fósforo disse à vela “Prepare-se! Vou acendê-la com meu fogo”. A vela se assustou e pediu que ele assim não fizesse. “Se você me acender eu vou queimar e será o meu fim.” “Ora – replicou o fósforo – … Continue lendo

Presença eterna

Há pessoas que vão e vêm. Há pessoas que vêm e vão. Há pessoas que não vão, apesar de terem ido e ficam dentro de nós em qualquer situação. Essas são as encantadas, nas palavras de Guimarães Rosa, que tomam … Continue lendo

Sobre despedidas

“Nenhum adeus é dado com alegria quando a morte o exige. Mesmos nas severas doenças, ele dói. O “virar-se de costas e seguir” no vácuo é ato duro, cortante, comando obedecido pelo corpo sem qualquer consulta à alma que, para … Continue lendo

Fragilidade

Vive cada um de nós “feliz e tranquilo” em seu cantinho, em seu universo de aparências, como se nenhum dique pudesse romper, como se nenhum relâmpago medonho pudesse surgir repentinamente sobre nossas cabeças, destruindo nossa realidade terrivelmente bela, ou terrivelmente … Continue lendo

Guia para viajar pelas florestas dos sentidos

O que é o caminho? anúncio de partida escrito em folhas que o pó desenhou. O que é a árvore? lagoa verde cujas ondas são o vento. O que é o vento?  alma que não quer habitar o corpo. O … Continue lendo


Página 1 de 1012345...10...Última »