O buraco

Cinco atitudes… 1. Ando pela rua. Há um buraco fundo na calçada. Eu caio. Estou perdido e sem esperança. Não é culpa minha. Leva uma eternidade para encontrar a saída. 2. Ando pela mesma rua. Há um buraco fundo na … Continue lendo

O interno

“Ao tomar uma decisão de menor importância, eu descobri que é sempre vantajoso considerar todos os prós e contras. Em assuntos vitais, no entanto, a decisão deve vir do inconsciente, de algum lugar dentro de nós. Nas decisões importantes da … Continue lendo

Não ter para ter

(…) Ter consome muita energia. Vigiar o que se tem consome ainda mais, desgasta, corrompe a alma. Bom mesmo é desfrutar. Eu não quero o veleiro, quero a viagem, não quero o disco, quero a canção. Entendes? (…) – Sofro … Continue lendo

Diferentes ângulos

Ainda com Kentetsu Takamori, Daiji Akehashi e Kentato Ito – Por que vivemos, “Em O Banquete, Platão menciona que todos os seres humanos nascem com um único propósito: a busca da felicidade eterna. Diante da afirmação de que a humanidade inteira compartilha … Continue lendo

Retornos aos pontos deixados

Lendo “Um Amor Incômodo”, de Elena Ferrante. Faltava-me esse da admirada escritora que encanta os amantes de leituras emocionalmente fortes. Um estilo pra lá de interessante, intriguista no melhor dos sentidos e comovente no mais alto grau. A obra, por … Continue lendo


Página 3 de 3012345...102030...Última »