O agora

  “Não há nada de novo que não seja espera. Espera cheia de cansaço, de dúvidas, de medo, de expectativas. Espera desidratada. Números confundem e assustam. Mãos quentes distantes e abraços adiados. A comida posta na mesa já não tem … Continue lendo

Movimentar-se

“Percebi que – apesar de todos os riscos envolvidos – uma coisa em movimento sempre será melhor do que algo em repouso; que a mudança sempre será algo mais nobre do que a permanência; que aquilo que é estático vai … Continue lendo

Como é que se esquece alguém que se ama?

  (…) Como é que se esquece alguém que se ama? Como é que se esquece alguém que nos faz falta e que nos custa mais lembrar que viver? Quando alguém vai embora de repente como é que se faz … Continue lendo

Cautela e Força

(…) E uma vez que a tempestade acabou, você não vai se lembrar como você fez isso, como você sobreviveu a ela e você não vai ter certeza se a tempestade realmente acabou. Embora uma coisa seja certa, quando você … Continue lendo

Uma necessidade constante

Você não sabe como eu preciso da sua voz. Eu preciso da sua aparência. Daquelas palavras que sempre me encheram. Eu preciso da sua paz interior. Eu preciso da sua luz.  Eu não posso continuar assim. Não posso mais e minha … Continue lendo


Página 1 de 3612345...102030...Última »